mudanças

5 Mudanças Que Precisa Fazer Para Alcançar Independência Financeira

Fazer mudanças é algo que muitos não estão habituados a fazer, isso porque mudanças nem sempre são confortáveis. Como seres humanos e sendo criaturas de hábito, preferimos nos acomodar àquilo que é confortável, fácil, e a que já nos acostumamos a fazer.

Quando se trata de mudanças, seja ela de local de trabalho, da zona onde moramos, mudança no estilo de vida, e por aí fora, é sempre algo que nos traz desconforto. Mas por vezes as mudanças são necessárias, e principalmente quando são para o melhor.

De facto a única constante na vida são as mudanças. A única coisa que não muda é a própria mudança, porque ela faz parte do nosso dia a dia. Como pessoas nós mudamos de comportamentos, mudamos de peso,  mudamos de escola, mudamos de carro, mudamos de roupa, etc. Desde que ela seja para o nosso benefício.

É claro que a mudança nem sempre é para o nosso bem estar, principalmente quando são mudanças forçadas e que não fazem parte dos nossos planos.

Mas fazer mudanças é bom, e neste artigo pretendo falar das mudanças que precisamos fazer para alcançar independência financeira. Com isso querendo dizer que sem elas torna-se difícil alcançarmos os objectivos financeiros que muitos de nós temos.

#1 Mudar a Sua Forma de Pensar

mudanças

Assim como o Homem pensa ele é. Pr. 23:7

Este é um dizer que ilustra a importância da sua forma de pensar e o impacto que ela tem no comportamento humano. A nossa maneira de viver está directamente ligada à maneira que pensamos. Se pensamos carência, pobreza, obstáculos, crise, problemas, etc, certamente que é isso que iremos atrair para as nossas vidas.

Se pensarmos abundância, riqueza, soluções, prosperidade, o que vai acontecer é que começaremos a procurar soluções e formas de adquirir aquilo que nós investimos a nossa mente a pensar.

A qualidade dos seus pensamentos determina a sua qualidade vida.

A qualidade de vida que gostaríamos de ter está directamente ligada à qualidade dos pensamentos que governam a nossa mente. Se não prestarmos atenção e não protegermos a nossa mente de ideias nocivas, seremos victimas da nossa forma de pensar.

A pobreza e a carência começam na mente, a riqueza e a abundância também começam na mente. Pois a mente é que é a fábrica da vida. Se não gostamos das experiências e do estilo de vida que temos, então é importante começar a avaliar o que é que está governando a nossa mente.

Enquanto não mudarmos a nossa forma de pensar jamais alcançaremos os sonhos e os desejos que gostaríamos de alcançar. A victória contra a carência começa na mente, é nela onde as batalhas da vida se vencem ou se perdem.

Se está interessado em ter uma vida de abundância e prosperidade, é importante começar a trabalhar seriamente na sua forma de pensar.

O Poder dos Paradigmas Mentais

Os paradigmas ou programação mental que tiver é que determinam o nível de vida que você irá viver. Muito do que acontece nas nossas vidas já está programado na nossa mente. E essa programação normalmente ocorre na nossa infância, e também no ambiente em que vivemos.

Se passou uma infância de carência e que tudo quanto se fazia era apenas gastar tudo o quanto entra no seu bolso, você continuará a fazer isso. O mesmo acontece se estiver num ambiente onde só se fala de carência, necessidades, gastar, e proferir palavras contrárias à experiência que gostaria de ter.

Pense bem na sua forma de viver e nos resultados que você está obtendo, e reflicta seriamente sobre como é que você alcançou esses hábitos.

Independentemente do montante que a pessoa ganha ou faz, a pessoa até pode ganhar muito dinheiro na vida, mas se está programado a gastar e a esbanjar, essa pessoa nunca irá alcançar independência financeira.

Portanto, para mudar e sair da carência contínua, para uma vida de abundância é importante começar a reprogramar a sua mente. Comece a pensar de forma diferente sobre o dinheiro e o seu propósito. Comece a pensar diferente sobre o que pode fazer para começar a poupar dinheiro, como investir dinheiro, e como ganhar mais dinheiro.

Pare de pensar somente em como gastar, comece a mudar o seu paradigma mental.

#2 Mude os Seus Hábitos

mudanças

Todos nós temos hábitos, alguns maus e alguns bons. Contudo o denominador comum é que hábitos são criados ao longo do tempo e é uma das coisas mais difíceis de criar. Principalmente os bons hábitos.

Você é uma criatura de hábito.

Certamente que você tem vários hábitos, possivelmente alguns bons e outros maus. Mas com relação às finanças quais são os seus hábitos financeiros?

Se tem hábitos de gastar todo o dinheiro que entra no seu bolso então você está caminhando rapidamente para a pobreza e carência. Você está a caminho do desfalque e viverá sempre da mão para a boca.

Mas não precisa ser assim, é possível mudar a sua vida financeira alterando os seus hábitos. Hábitos normalmente são fáceis de quebrar, principalmente os bons hábitos, mas difíceis de criar.

Diz-se que são necessários vinte e três dias para criar um novo hábito. Sendo isso verdade, isso significa que é necessário criar disciplina para adoptar os hábitos que queremos ter.

Quais são os seus hábitos financeiros? Será que você é o tipo de pessoa que sempre gasta tudo o que ganha? E não separa nada para o futuro? Esse hábito irá levar-lhe à pobreza.

Mude agora os seus hábitos financeiros e comece a criar novos hábitos, que lhe irão a alcançar os seus objectivos financeiros. Tudo começa consigo, crie a disciplina necessária para começar a poupar, e desenvolva o hábito de investir uma porção do seu rendimento.

Ao fazer isso você estará assegurando o seu futuro financeiro.

#3 Mude o Seu Estilo de Vida

mudanças

Todos nós temos um estilo de vida ou desejamos ter um. Independentemente do estilo de vida que você tiver é importante que ele esteja ajustado à sua capacidade financeira. O erro que muitos cometem é o de ajustarem a sua receita ao seu estilo de vida.

Isso não é prático, o seu estilo de vida deve se ajustar ao seu rendimento ou à sua capacidade de sustentação financeira desse estilo de vida. Se tem um estilo de vida que não se ajusta à sua realidade financeira, então é importante mudar.

Ao mudar o seu estilo de vida você está a adiar a tendência de ter que gastar imediatamente o dinheiro que tem e a planear para o futuro.

A melhor forma de gerir o seu dinheiro é criando capacidade financeira para o estilo de vida que gostaría de ter, e não o contrário. Viver um estilo de vida sem ter a capacidade para o sustentar é uma fórmula par o desastre. E se você vive dessa maneira então está caminhando para o precipício financeiro.

A tendência de comprar o que você não precisa para impressionar pessoas que você não gosta, não o irá ajudar em nada. Pense seriamente nisso e comece a criar novos hábitos financeiros.

#4  Mudar as Suas Amizades

mudanças

Não vos enganeis, as más conversações corrompem os bons costumes. I Cor. 15:33

Muitos dos hábitos financeiros que temos adoptamos dentro de um círculo de influência. Se você está rodeado de amigos carentes e com maus hábitos financeiros, isso irá influenciar na sua forma de gerir as suas finanças.

Isso porque nenhum homem é uma ilha e todos nós precisamos de nos socializar. E as pessoas com que nós socializamos tem uma grande influência em quem e naquilo que nos tornamos.

Os seus amigos normalmente lhe influenciam através do tipo de conversas que têm, dos hábitos, e também dos conselhos que eles lhe dão. Sendo isso verdade, o que é que os seus amigos dizem quando o assunto é dinheiro, o que é que normalmente sai da boca deles?

Como é que os seus amigos gastam o seu dinheiro? Quais são os seus hábitos financeiros? E que tipo de concelhos é que dão?

A questão de fundo para a sua reflexão deve ser, o que é que um amigo que não percebe nada sobre gestão financeira pode lhe dizer sobre como gerir o seu dinheiro? O que é que o seu amigo gastador pode lhe dizer sobre poupança. O que é que o seu amigo que está sempre sem dinheiro pode lhe dizer sobre investimentos?

Que tipo de amigos você tem? São amigos que lhe aconselham a gastar ou amigos que lhe aconselham a poupar e a investir? Como é que os seus amigos gastam o seu dinheiro?

Comece a avaliar seriamente sobre o tipo de amizades que tem e reflicta se eles lhe ajudarão a alcançar os seus objectivos financeiros. Caso contrário você está metido numa encruzilhada. Eles não lhe vão ajudar tanto, e quando é assim é tempo de se desfazer dessas amizades e procurar novos amigos.

Faça amizades com pessoas que têm aquilo que você gostaria de ter. Faça amizades que tenham um pensamento diferente quando se trata de dinheiro. Faça amizades com pessoas que valorizam e têm bons hábitos financeiros. Faça isso agora e mude a sua vida financeira.

#5 Mude o Seu Ambiente

mudanças

Você é um produto do seu ambiente.

O ambiente no qual você está inserido desempenha um grande papel em formar o tipo de pessoa que você é. Se vive num ambiente de pobreza, carência, e penúria, isso irá influenciar negativamente na sua forma de ver o mundo. Se o ambiente em que vive é um em que as pessoas não falam bem do dinheiro, criticam os ricos, passam a vida a queixar-se, e a identificar problemas, então é tempo de mudar.

O seu ambiente tem um grande poder de influenciar a sua forma de pensar, os seus hábitos, e até as amizades que você tem. O ambiente até pode ser bom ou familiar, mas se quiser fazer algo para alterar a sua condição financeira, o melhor é se deslocar desse lugar para outro.

Pense no estilo de vida que você gostaria de ter e quanto dinheiro gostaria de ganhar, poupar, e investir na sua vida. Agora pense também onde é que gostaria de viver para alcançar isso, porque a sua forma de ver o mundo e o ambiente que lhe rodeia tem um impacto na sua vida. Positivo ou negativo.

O ambiente no qual estiver inserido tem um grande poder de influência sobre a sua vida. E pode ter a certeza que neste momento, você é produto do seu ambiente.

Conclusão

Agora que já sabe quais são as mudanças que deve fazer na sua vida, é tempo de começar a reflectir nisso e fazer os ajustes necessários.

O que mais você acha que precisa mudar de modo a alcançar independência financeira na sua vida? Pense seriamente nisso. Será que existe algo nesta lista que mencionei que você precisa mudar de modo a alcançar os seus objectivos financeiros? O que é?

About Edgar Chauque

Edgar Chaúque é o fundador fundador e editor do DinheiroFala. Ele é também o homem por detrás do TecnoFala, SejaEmpreendedor, e do Share Your Ideas Online . É o Fundador da ZIKOMU MEDIA, e mentor do projeto ARQUITETOS DO FUTURO. Pode encontrá-lo também no seu blog pessoal.